PORTARIA SEF Nº 109, de 25.03.02.

 (Este texto não substitui o publicado no D.O.E. de 27.03.02)

Aprova pauta de preços mínimos da Maçã

O SECRETÁRIO DE ESTADO DA FAZENDA, no uso das suas atribuições estabelecias na Lei n.º 9.831, de 17 de fevereiro de 1995, art. 3º, I, e

Considerando o disposto no art. 21 do RICMS/97, aprovado pelo Decreto n.º 1.790, de 29 de abril de 1997;

Considerando a necessidade de adequar a base de cálculo do ICMS incidente sobre as operações com a maçã aos preços correntes no mercado atacadista catarinense; e,

Considerando os levantamentos de preços efetuados pela Diretoria de Administração Tributária.

R E S O L V E :

Art. 1º Os valores a serem considerados como base de cálculo, para efeito de recolhimento do ICMS, relativos às operações com a maçã, são os seguintes:

MAÇÃ VERMELHA OU AVERMELHADA

                                             EXTRA    ESPECIAL     COMERC.

ATE   125 FRUTOS        CX       22,00       18,00              14,00

ATE   138   "                  CX       20,00       16,00              13,00

ATE   150   "                  CX       17,00       14,50              11,00

ATE   163   "                  CX       15,00       13,50              10,50

ATE   175   "                  CX       13,50       11,50                9,50

ATE   198   "                  CX       12,00       10,50                9,50

ATE   220   "                  CX       12,00         9,00                8,50

GRANEL CX RETORNO  KG                                             0,35

GRANIZADA                  KG                                             0,30

Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação,

Art. 3º Revogam-se as disposições em contrário.

Florianópolis, 25 de março de 2002.

ANTÔNIO CARLOS VIEIRA

Secretário de Estado da Fazenda